ABRATES em Foco

Journal of Seed Science completa 40 anos em 2019

18/02/2019

O Journal of Seed Science (JSS), publicação científica oficial da Associação Brasileira de Tecnologia de Sementes (ABRATES), completa 40 anos de existência em 2019. Veiculado pela primeira vez em 1979, com o nome de Revista Brasileira de Sementes, manteve-se firme na missão de publicar trabalhos científicos na área de Ciência e Tecnologia de Sementes, divulgando à comunidade científica e ao setor agrícola nacional e internacional, avanços do conhecimento para obtenção de sementes de alta qualidade e informações relativas aos benefícios resultantes da sua utilização.

História
Merece destaque, a atuação dos 11 editores (veja abaixo a tabela completa com todos os editores) que passaram pelo JSS, responsáveis por garantir a alta qualidade dos artigos publicados e permitir o avanço da revista ao longo dos anos. Esses pesquisadores são responsáveis pela revisão dos 2064 artigos publicados. Um legado que registra fielmente a evolução da pesquisa de sementes neste período.  

A mudança de nome veio em 2013, para coroar o esforço conjunto da Editoria em busca de estratégias para ampliar a visibilidade da publicação na comunidade internacional, e, em consequência, permitir elevar o seu fator de impacto. Desde então, são veiculados 4 fascículos por ano, com todos os artigos em inglês.

Também em 2013, a revista foi submetida à avaliação para inserção na Web of Science (WoS), base de dados da Thomson Reuters - plataforma internacional que reúne periódicos científicos de todo o mundo, com conteúdo de qualidade e confiabilidade. Após três anos de rigorosa avaliação, em 2016, a revista foi aceita e indexada na base Web of Science. Como consequência, em 2019, o JSS já terá o seu fator de impacto JCR (Journal Citation Reports) em 2019. Fato que representa um grande avanço para a revista no cenário nacional e internacional, colocando-a num patamar de destaque.

Atualmente,  o JSS está classificado como B1 pela QUALIS/CAPES 2016, e tem abrangência internacional, sendo publicado em formato totalmente digital. O Corpo Editorial é composto pelas Editoras Dra. Denise Cunha Fernandes Santos Dias - UFV e Dra. Gilda Pizzolante de Pádua - EMBRAPA / EPAMIG, 30 Editores Associados do Brasil e do Exterior que atendem às diferentes áreas da Ciência e Tecnologia de Sementes, além do corpo de revisores cadastrados no sistema SciELO.

Conheça mais sobre a revista na matéria “Política editorial do JSS prima pela originalidade dos trabalhos”.

 

 

 

Política editorial do JSS prima pela originalidade dos trabalhos

18/02/2019

A política editorial do Journal of Seed Science é divulgar somente resultados de trabalhos de pesquisa originais e que contribuam significativamente para a ampliação do conhecimento científico. “O JSS é a principal fonte de consulta e divulgação de pesquisa em Ciência e Tecnologia de Sementes do Brasil e da América Latina. Na América do Sul, é o único periódico que publica artigos especificamente na área de Tecnologia de Sementes”, explica a editora da publicação, Dra. Gilda Pizzolante de Pádua.

Todos os artigos são submetidos à arbitragem científica, com avaliação por, pelo menos, dois pareceristas ad-hoc. A submissão e a tramitação dos artigos no JSS é eletrônica, via website SciELO, conferindo rigor e transparência ao processo. “O anonimato dos autores e dos pareceristas é garantido, pois o JSS opera no processo de duplo cego. A reprodução/cópia de artigos é livre. Todos os artigos publicados recebem o DOI (Digital Object Identifier), são licenciados pela Creative Commons Atribuition 4.0 Internacional para acesso livre e passam por teste de plagiarismo via software iThenticate”, completa a também editora do JSS, Dra. Denise Cunha Fernandes Santos Dias.

A publicação está presente nas principais bases indexadoras como SciELO, Scopus-Elsevier, Binagri-Agrobase, Agris, Ebesco, Qualis CAPES. Seu fator de impacto SJR (SCimago Journal of Country Rank) em 2018 foi 0,37.

Em 2018,  dos 148 manuscritos submetidos, 45 (30,4%) foram aceitos para publicação e 52 (35,1%) rejeitados; ainda encontram-se em tramitação 51 artigos. O tempo médio entre a submissão e aceitação de artigos foi de três meses e o tempo médio entre a submissão e a publicação de artigos foi de 6,1 meses. Conheça a história do JSS na matéria “Journal of Seed Science completa 40 anos”.

A publicação conta com apoio o financeiro de órgãos de fomento como CNPq/CAPES e FAPEMIG, além da própria  ABRATES e pode ser acessada pela plataforma Scielo ou pelo site da ABRATES (www.abrates.org.br/revista). Associados à ABRATES tem acesso a valores especiais para publicarem artigos no JSS, informe-se!

ABRATES realiza XII edição do Curso de Amostradores de Sementes

18/02/2019

O Curso Teórico-Prático de Formação de Amostradores de Sementes à sua 12ª edição, sob a organização da Associação Brasileira de Tecnologia de Sementes (ABRATES) e da Universidade Federal de Lavras (UFLA). O evento acontece de 23 a 25 de Abril, em Lavras (MG).

O curso é reconhecido pelo MAPA - Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento - em conformidade com o Regulamento da Coordenação de Sementes e Mudas e já soma mais de 630 profissionais capacitados, entre agrônomos e técnicos, ao longo das 11 edições realizadas. O conteúdo é abordado em aulas teóricas e também em momentos de prática.

Alunos do curso de fisiologia
Alunos da 11ª edição

“O conteúdo é bastante abrangente, com professores qualificados e com muita experiência prática. O curso tem um bom equilíbrio entre aulas teóricas e parte prática, além da participação de profissionais de outras empresas permitindo uma boa troca de experiência. O conhecimento adquirido ampliou minha visão de importância da amostragem em todas as etapas do processo de produção e tem contribuído para a melhoria dos processos, pois as técnicas de amostragem foram aperfeiçoadas e estão sendo repassadas aos colegas de trabalho”, relata Karine Noronha Silva, Supervisora de Controle de Processos da Limagrain Brasil.

As alterações legais que impactam no exercício da função de amostrador também são abordadas no curso. “São abordados aspectos referentes a possíveis mudanças na legislação sobre amostragem de sementes , atendendo as demandas do setor produtivo, bem como as possíveis alterações na próxima edição das Regras para Análises de Sementes. Os alunos  já serão informados de algumas prováveis modificações no procedimento de amostragem para adequação à realidade nacional.”, explica a professora Dra. Maria Laene Moreira de Carvalho.

As palestras e práticas são ministradas pelos professores/pesquisadores: Dr. Joel Augusto Muniz, Dra. Maria Laene Moreira de Carvalho, Dr. José Mauricio Pereira, Dr. Renato Mendes Guimarães,  Dr. João Almir de Oliveira, e Dra. Heloisa Oliveira Santos.

Embora seja dirigido especialmente para as necessidades dos candidatos que desejam se tornar amostradores de sementes licenciados, o curso interessa a todos os envolvidos com as boas práticas de amostragem. As vagas são limitadas e a escolaridade  mínima exigida é o segundo grau completo. Os interessados devem se inscrever no site do evento. Associados da ABRATES tem um desconto especial no valor da inscrição.

ABRATES realiza enquete sobre conteúdo do Curso de Fisiologia

18/02/2019

A Associação Brasileira de Tecnologia de Semente já está preparando a 8ª Edição do  Curso de Fisiologia de Sementes baseado na publicação "Fisiologia de Sementes de Plantas Cultivadas" de autoria do Professor Dr. Julio Marcos Filho - ESALQ.

Com o intuito de validar os conteúdos propostos à expectativa dos participantes, a associação divulgou uma enquete onde é possível registrar sua opinião e deixar sugestões que possam tornar o curso ainda melhor. A data prevista para a realização do evento é  de 16 a 20 de Setembro de 2019, em Londrina, Paraná.

Os novos temas a serem abordados são:

  • Importância da Semente;

  • Formação da Semente;

  • Desenvolvimento (Maturação) de Sementes;

  • Dormência de Sementes;

  • Relações Água/Sementes;

  • Deterioração de Sementes;

  • Condicionamento Fisiológico de Sementes (Priming);

  • Germinação;

  • Sementes Recalcitrantes;

  • Interações Patológicas / Fisiológicas Afetando a Deterioração de Sementes;

  • Princípios da Biotecnologia Aplicados à Qualidade de Sementes;

  • Vigor e Desempenho de Sementes.


Se ainda não respondeu a nossa enquete, participe! Sua opinião é importante para a ABRATES. Acesse AQUI.  

 

Publicação aborda detalhes da pesquisa de Sementes Florestais

18/02/2019

Somos um país mundialmente conhecido pela abundância de nossas florestas. Fauna e flora marcadas pela diversidade de espécies e uma extensão territorial e climática que favorece ainda mais esse cenário. Nossa natureza, sem dúvida alguma, é das mais ricas no mundo!

No entanto, os estudos e pesquisa na área de sementes florestais tem ganhado destaque há pouco tempo e ainda existe muito o que evoluir, divulgar e esclarecer nesta área tão cheia de peculiaridades.
Neste sentido, a ABRATES publicou o livro Sementes Florestais Tropicais: Da ecologia à produção, disponível em nossa loja virtual. A publicação reúne os recentes avanços científicos e tecnológicos em relação a produção de sementes de espécies florestais tropicais, abordando tópicos relativos à ecologia produtiva, colheita, manejo, análise, germinação e o estado da arte sobre a pesquisa nesses temas. São seis amplos capítulos redigidos por 55 especialistas em sementes florestais, que atuam em diversas instituições nacionais e internacionais.

A pesquisadora Fatima Conceição Marquez Piña-Rodrigues é uma das responsáveis pela organização do livro e destaca que, mesmo para agrônomos ou profissionais já habituados com a pesquisa de sementes, a área florestal envolve uma série de conhecimento específicos. “Trabalhamos com alta diversidade de espécies e genética e temos de manter isso, justamente o contrário da agronomia, por exemplo. O livro tem enorme importância, trazendo conceitos básicos que serão aplicados na produção de sementes florestais, até mesmo para os profissionais da área, já muitos não têm esta formação específica”, explica. A publicação tem 477 páginas divididas nos seguintes capítulos:

  • Ecologia Produtiva e Produção de Sementes

  • Produção de Sementes Florestais

  • Colheita e Manejo de Sementes

  • Germinação de Sementes

  • Análise de Sementes

  • Estado da Arte da Pesquisa e Produção de Sementes


O interessados podem adquirir a publicação na Loja Virtual da ABRATES, que entrega no Brasil e exterior. Associados têm desconto especial nas compras. Aproveite!  

Edições
O que é ABRATES em Foco?

ABRATES Em Foco é uma publicação eletrônica dirigida aos nossos associados, colaboradores, parceiros, assistência técnica, produtores, estudantes, profissionais da indústria de sementes, pesquisadores, engenheiros agrônomos, lideranças, formadores de opinião e representantes da imprensa especializada, enfim, a todos aqueles que de alguma maneira fazem parte da rede brasileira de produção de sementes.

Os leitores recebem o ABRATES em Foco via e-mail e podem ler seu conteúdo no site da ABRATES.

Destinamos o ABRATES em Foco à publicação de conteúdo jornalístico, informações técnicas, notícias de interesse para a indústria de sementes, além de manter os associados atualizados quanto às ações institucionais da ABRATES.

A publicação também poderá auxiliar a divulgação dos avanços e pesquisas nas áreas de Ciência e Tecnologia, publicados no Journal of Seed Science, antiga Revista Brasileira de Sementes (RBS), e no Informativo ABRATES.

Os leitores encontram aqui um espaço para apresentar opiniões, enviar sugestões de pautas para matérias técnicas, novidades do setor, evoluções tecnológicas do segmento, entre outros assuntos.

Para contribuir, envie seu texto, sugestão ou crítica para abratesemfoco@abrates.org.br

Torne-se um associado

E integre uma importante rede de pesquisa e ciência

Associe-se

Inscreva-se agora e receba nossa newsletter