Notícia

03 May
  • nenhum comentário
    Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto

IIª Prosa Sementeira debate avanços no controle de qualidade da semente 

Abrates reúne especialistas no assunto de renomadas empresas do setor para explorar o tema em live no seu canal do YouTube, no dia 5 de maio, às 19 horas

Na hora de semear, todos querem a melhor matéria-prima, mas como produtores, empresas e instituições de pesquisa asseguram a qualidade da semente? Quais são os cuidados que devem ser tomados antes, durante e após o ciclo da cultura? Especialistas da Bayer, Corteva e Embrapa Soja estarão juntos para esclarecer estas dúvidas na próxima quarta-feira (5 de maio), às 19 horas, na IIª Prosa Sementeira, evento on-line promovido pela Associação Brasileira de Tecnologia de Sementes (Abrates) em seu canal no YouTube. 

Nesta edição, participam do bate-papo sobre o tema “Uma visão holística sobre qualidade de sementes”, os especialistas Viviane Abreu, da Bayer Crop Science, Marco Aurélio Freitas, da Corteva Agriscience e José de Barros França Neto, da Embrapa Soja. Segundo a organizadora do evento, Maria Laene Moreira de Carvalho, 2ª vice-presidente da Abrates e docente da Universidade Federal de Lavras (UFLA), os convidados abordarão os tópicos qualidade assegurada; “Stewardship”; controle interno de produção de sementes e quais são os verdadeiros significados e as vantagens desses sistemas. 

Viviane Abreu, líder de Stewardship Sementes e Traits para América Latina da Bayer Crop Science, vai abordar o programa de qualidade Stewardship da Bayer, sua importância para a empresa e o programa de certificação ETS (Excellence Through Stewardship). “A gestão responsável dos produtos sempre foi uma das principais preocupações da indústria de sementes, especialmente para as empresas voltadas à biotecnologia. Assim, garantir o controle da qualidade e o gerenciamento responsável das tecnologias é fundamental no desenvolvimento e comercialização de novos materiais”, detalha Viviane. A especialista ressalta que, além do programa interno de qualidade para a produção de sementes em acordo com a legislação vigente, vai complementar sua exposição com detalhes sobre o Trait Quality, programa que a Bayer criou para garantir a qualidade dos traits para as tecnologias transgênicas. 

O líder de Qualidade Assegurada de Produção de Sementes na América Latina da Corteva Agroscience, Marco Aurélio Freitas, também vai falar sobre a importância dos programas Quality Assurance (QA) e o Quality Control (QC), que estão sendo implementados em grandes empresas para assegurar a garantia e o controle de qualidade de produtos. De acordo com Freitas, essas áreas são novas dentro das empresas sementeiras, que até pouco tempo trabalhavam focadas em produtos. "De uns tempos para cá, elas começaram a adotar esses conceitos com o objetivo de dar um suporte com responsabilidade distinta dentro de todo o gerenciamento de qualidade", explica Freitas. Ele complementa que vai explicar a diferença entre QA e QC, por meio de exemplos práticos que existem dentro da área de produção de sementes. Em linhas gerais, o objetivo não é só garantir a qualidade do produto, mas sim padronizar processos, cumprir com as certificações e atender a expectativa de clientes. 

O pesquisador da Embrapa Soja, José de Barros França Neto, irá explanar como a pesquisa vem melhorando o controle de qualidade das sementes de soja e as técnicas de produção de sementes de alto vigor. “Vou focar em algumas pesquisas, treinamentos da Embrapa e Abrates que levam o setor produtivo a novas técnicas de análise, testes de tetrazólio, patologia de sementes e testes de vigor com base na 2ª edição do livro ‘Vigor de Sementes: Conceitos e Testes’, da Abrates”.  

Estima-se que sejam feitos mais de 300 mil testes de tetrazólio ao ano para o controle da qualidade física e fisiológica de sementes de soja no País. O teste é considerado um dos mais rápidos, eficientes e precisos para esta cultura. “Somente a Embrapa Soja já formou mais de 2,3 mil profissionais de empresas brasileiras de sementes nesta tecnologia. O que tem colaborado de maneira eficiente no aprimoramento da qualidade da semente de soja no Brasil. Recentes pesquisas apontam que o vigor, a viabilidade e a germinação têm subido substancialmente em decorrência da melhoria constante do aprimoramento de técnicas de produção para se obter sementes de alta qualidade física e fisiológica”, destaca França-Neto.   

"Se você inicia uma lavoura de 230 mil plantas alto vigor por hectare e o seu vizinho com a mesma cultivar e a mesma população de plantas por hectare, porém com uma lavoura oriunda de uma semente de vigor médio, a produtividade de sua lavoura será de 10% a 12% maior do que a do vizinho. Isso é fruto da pesquisa, envolvendo controle de qualidade, vigor, estabelecimento da lavoura com plantas de alto desempenho agronômico e que resultará em maiores produtividades”, conclui França-Neto. 

Série 

O presidente da Abrates, Francisco Carlos Krzyzanowski, mentor da Prosa Sementeira, acredita que as lives suprem a carência de troca de experiências entre os sementeiros nesta época de pandemia, em que estão suspensos os eventos presenciais. O nome dado à série sugere que os encontros virtuais sejam informais e possibilitem a participação de todos os atores do setor e diferentes assuntos relacionados ao setor sementeiro.  

As lives são mensais e ocorrem na primeira semana do mês com a participação de dois ou três convidados. Cada convidado tem de 10 a 15 minutos de apresentação e, em seguida, é aberto para discussão e respostas aos questionamentos do público telespectador. A 1ª Prosa Sementeira, realizada em abril, teve como tema "O negócio de sementes no Brasil" e está disponível no canal Abrates no YouTube neste link.  

SERVIÇO  

IIª Prosa Sementeira - Uma visão holística sobre qualidade de sementes 

Quando:  05/05/2021, às 19 horas 

Onde: canal da Abrates no Youtube   

Quanto: gratuito 

Convite: venha fazer parte da maior comunidade Latino Americana de Sementeiros, a sua 

participação é gratuita e altamente importante, pois trabalhamos com a vida, trabalhamos com 

SEMENTE. 

Informações e sugestõescontato@abrates.org.br 

 

 

deixe seu comentário

Edições
O que é ABRATES em Foco?

ABRATES Em Foco é uma publicação eletrônica dirigida aos nossos associados, colaboradores, parceiros, assistência técnica, produtores, estudantes, profissionais da indústria de sementes, pesquisadores, engenheiros agrônomos, lideranças, formadores de opinião e representantes da imprensa especializada, enfim, a todos aqueles que de alguma maneira fazem parte da rede brasileira de produção de sementes.

Os leitores recebem o ABRATES em Foco via e-mail e podem ler seu conteúdo no site da ABRATES.

Destinamos o ABRATES em Foco à publicação de conteúdo jornalístico, informações técnicas, notícias de interesse para a indústria de sementes, além de manter os associados atualizados quanto às ações institucionais da ABRATES.

A publicação também poderá auxiliar a divulgação dos avanços e pesquisas nas áreas de Ciência e Tecnologia, publicados no Journal of Seed Science, antiga Revista Brasileira de Sementes (RBS), e no Informativo ABRATES.

Os leitores encontram aqui um espaço para apresentar opiniões, enviar sugestões de pautas para matérias técnicas, novidades do setor, evoluções tecnológicas do segmento, entre outros assuntos.

Para contribuir, envie seu texto, sugestão ou crítica para abratesemfoco@abrates.org.br



Torne-se um associado

E integre uma importante rede de pesquisa e ciência

Associe-se

Inscreva-se agora e receba nossa newsletter