Curso de Análise de Imagens é realizado pela primeira vez no Brasil
05/02/2017

Capacitação

banner_curso_analise_imagens

Londrina, 21 de maio de 2012 - Dirigido a estudantes, profissionais e empresas da cadeia produtiva de sementes, o Curso de Análise de Imagens de Sementes e Plântulas será ofertado pela primeira vez no país de 08 a 10 de agosto de 2012, em Piracicaba (SP). O curso é uma promoção da Associação Brasileira de Tecnologia de Sementes (ABRATES), com apoio da Escola Superior de Agricultura ?Luiz de Queiroz? (ESALQ) e coordenado pelo professor Silvio Moure Cicero. As atividades serão nas instalações da ESALQ, Anfiteatro "Prof. Salim Simão", Pavilhão de Horticultura, no Departamento de Produção Vegetal.

O 1º. Curso de Análise de Imagens de Sementes e Plântulas será ministrado pelos Profs. Silvio Moure Cicero, Julio Marcos Filho e Francisco Guilhien Gomes Junior, todos da ESALQ, e pela Profa. Maria Laene Moreira de Carvalho, da Universidade Federal de Lavras (UFLA).

Nos últimos anos foram intensificadas pesquisas sobre análise de imagens no Brasil. Aliando resultados de trabalhos de investigação e a demanda dos agentes do setor de sementes por capacitação, membros do laboratório de sementes da ESALQ, em conjunto com a UFLA, desenvolveram um plano de curso com o objetivo de suprir esta carência. A capacitação abordará diversos tópicos envolvendo o que há de mais atual em análise de imagens de plântulas e sementes.

Com informações de grande valia tanto para o setor de pesquisa, quanto para a análise industrial de qualidade e vigor, a formação abordará três pontos principais: teste de raios X para avaliação ocorrência de injúrias em sementes; determinações computadorizadas de variações na morfologia interna de sementes e sua associaçào com o desempenho de sementes, e avaliação automatizada do vigor de sementes baseada no desenvolvimento de plântulas. ?A Análise de imagens oferece muita precisão nos resultados?, afirma o Prof. Silvio Moure Cicero.

Os principais laboratórios de análise de imagens de sementes e plântulas do país estão localizados na ESALQ e na UFLA. no entanto, de acordo com Gomes Junior, em breve outros laboratórios poderão ser equipados para realizar análises com exatidão. ?O avanço tecnológico deve contribuir para o barateamento desses equipamentos?, acredita o prof. Gomes Junior.

Os interessados devem se inscrever no site da ABRATES. Outras informações pelo telefone (43) 3025-5120 ou pelo e-mail: abrates@abrates.org.br

 

--
Dulce Mazer - Jornalista - MTb 8775/PR
ABRATES - Associação Brasileira de Tecnologia de Sementes
Assessoria de Imprensa
(43) 3025 5120

Programação Curso Análise de Imagens