Notícia

09 Nov
  • nenhum comentário
    Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto

Pesquisadores lançam obra voltada para sementes brasileiras

25ª Reunião Anual do Instituto de Botânica lança livro "Sementes do Brasil - Produção e Tecnologia para Espécies da Flora Brasileira"

Livro será lançado hoje

Encerra hoje a  25ª Reunião Anual do Instituto de Botânica, em São Paulo. O tema central do evento para essa edição foi “90 anos do Jardim Botânico de São Paulo: trabalhando em prol da Biodiversidade”. Nesta sexta-feira, serão realizadas as comemorações de aniversário dos 90 anos do Jardim Botânico de São Paulo e de 80 anos do Instituto de Botânica. Às 14h, no anfiteatro do Instituto de Botânica, serão apresentados os grandes projetos da Instituição nesses 80 anos. Em seguida, no Restaurante do Jardim Botânico, será realizada a solenidade oficial dessa comemoração, quando serão lançadas diversas publicações, dentre as quais o Livro "Sementes do Brasil - Produção e Tecnologia para Espécies da Flora Brasileira", organizado pelos .

“No que diz respeito aos autores dos capítulos, buscamos por aqueles que tivessem competência e experiência plenamente demonstradas e fossem profissionais de reconhecimento nacional e internacional, assim como suas instituições de origem. Além disso, buscamos expandir as fronteiras do livro, contemplando praticamente todas as regiões do país”, detalha o pesquisador, Dr. Cláudio José Barbedo, um dos organizadores do livro.

A pesquisa de sementes no Brasil e no mundo, é concentrada em sementes de espécies agrícolas. A maioria dessas espécies tem origem em regiões cujas condições climáticas selecionaram espécies com características bem distintas das encontradas nas regiões tropicais, como as nativas do Brasil. As sementes de espécies tropicais, geralmente, apresentam características diferentes das de regiões temperadas, especialmente as agrícolas.

“Embora grande parte do conhecimento acerca da produção, fisiologia e tecnologia de sementes de espécies agrícolas possa ser utilizada para espécies nativas do Brasil, há uma infinidade de particularidades que exigem o desenvolvimento de pesquisas voltadas a elas”, explica Dr. Barbedo

Organizadores do livro - Sementes do Brasil

A crescente preocupação com a preservação e restauração do ambiente e das formações vegetais nativas vem, passo a passo, exigindo cada vez mais o desenvolvimento concomitante de tecnologia para o máximo aproveitamento das sementes produzidas. Novamente, apesar de algumas técnicas encontradas na tecnologia de sementes de espécies agrícolas serem úteis às de espécies nativas, há grande demanda por desenvolvimento tecnológico apropriado e específico.

“Procuramos oferecer um material que possa ser de grande utilidade aos profissionais, estudantes e amantes das sementes, não apenas voltados às espécies nativas, mas a toda a comunidade que trabalha e tem interesse nas sementes em geral, uma vez que grande parte do conhecimento aqui fornecido não se restringe às espécies nativas, mas contempla toda a ciência das sementes”, conclui.

A entrada no evento é livre e a programação está repleta de atrações:
9h00 às 11h00: Dança Cigana e Coral, no Jardim de Lineu (no Jardim Botânico)
11h00 às 12h30: Entrega do Prêmio Hoehne e Homenagens, no anfiteatro do Instituto de Botânica
14h00 às 15h30: apresentação do grandes projetos do Instituto de Botânica durante seus 80 anos de existência, no anfiteatro do Instituto de Botânica.
16h00: Comemoração dos 90 anos do Jardim Botânico, com lançamento dos Livros Institucionais e apresentação da Banda Musical da Polícia Militar

Informações: 25raibt2018@gmail.com

 

 

deixe seu comentário

Tags Clouds


Torne-se um associado

E integre uma importante rede de pesquisa e ciência

Associe-se

Inscreva-se agora e receba nossa newsletter