Notícia

07 Aug
  • nenhum comentário
    Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto

XX CBSementes traz inovação na análise de qualidade de sementes

Evento segue até quinta-feira, reunindo representantes da cadeia sementeira em busca de informações e soluções tecnológicas.

Começou nesta segunda-feira (7), em Foz do Iguaçu, a vigésima edição do Congresso Brasileiro de Tecnologia de Sementes. O evento, já reconhecido dentro e fora de país, é promovido pela Associação Brasileira de Tecnologia de Sementes (ABRATES) e traz como tema central “Sementes: Novos Desafios e Inovações Tecnológicas”.

A cerimônia de abertura reuniu representantes da cadeia sementeira e pesquisa de todo o país, deixando claro o perfil tecnológico e de integração entre diferentes pontos de vista que promete ser o foco de toda a programação do evento.

Em seu discurso de abertura, o presidente da ABRATES do XX CBSementes, Francisco Krzyzanowski destacou a importância dessa troca de informações. “Esperamos contribuir para o desenvolvimento da Ciência e da Tecnologia de Sementes. Ao planejarmos a programação do evento, buscamos oferecer informações nos diferentes campos de atuação na área de Sementes. O CBSementes trará assuntos variados relacionados às inovações tecnológicas, ao mercado e à indústria, à produção, e à sanidade, visando a obtenção de sementes de alta qualidade”.

Avanços tecnológicos na avaliação da qualidade de sementes

Para garantir que a qualidade desenvolvida nos laboratórios de pesquisa chegue até o produtor rural, é preciso avaliar qualidade, aspectos fisiológicos, morfológicos e moleculares das sementes e o maior desafio está em realizar a análise deste complexo organismo vivo, protegendo sua integridade.  

O pesquisador e Coordenador do Comitê de Tecnologias Avançadas da ISTA - International Seed Testing Association -, Bert Van Duijin, analisou as inovações e caminhos possíveis para essa questão durante a palestra “Avanços tecnológicos na avaliação da qualidade de sementes”, responsável pela abertura da programação científica do evento.

Dentre as tecnologias destacam-se: Imagem multiespectral e hiperespectral, Imagens em Raio X 2D e 3D, Medições individuais de respiração de sementes, Visualização de descarga de gás / eletrofotografia, Ressonância magnética nuclear (NMR) e Imagem de ressonância magnética (MRI).

Segundo Bert Van Duijin, a combinação de dados, permitida pelo uso de técnicas não invasivas de análise, podem indicar um novo caminho para a pesquisa. “Os dados obtidos sobre a semente podem ser cruzados com a informação sobre seu desempenho na germinação e formação de plântulas”. Desta forma, é possível correlacionar diretamente o estado do embrião (e de toda a semente) com o resultado apresentado na germinação e na formação de plântulas.  “Essas tecnologias podem fornecer ferramentas para melhorar os métodos e protocolos de teste da qualidade das sementes”, explica.

Esse aporte tecnológico representa um grande salto para a indústria sementeira nacional, que já vem caminhando em direção à utilização dessas tecnologias para garantir ainda mais eficácia em seus produtos. Dentre as empresas presentes no Showroom tecnológico do Congresso já é possível encontrar soluções nesta linha para a indústria e o produtor de sementes.

Assessoria de Imprensa (43) 99176-3374

deixe seu comentário

Edições
O que é ABRATES em Foco?

ABRATES Em Foco é uma publicação eletrônica dirigida aos nossos associados, colaboradores, parceiros, assistência técnica, produtores, estudantes, profissionais da indústria de sementes, pesquisadores, engenheiros agrônomos, lideranças, formadores de opinião e representantes da imprensa especializada, enfim, a todos aqueles que de alguma maneira fazem parte da rede brasileira de produção de sementes.

Os leitores recebem o ABRATES em Foco via e-mail e podem ler seu conteúdo no site da ABRATES.

Destinamos o ABRATES em Foco à publicação de conteúdo jornalístico, informações técnicas, notícias de interesse para a indústria de sementes, além de manter os associados atualizados quanto às ações institucionais da ABRATES.

A publicação também poderá auxiliar a divulgação dos avanços e pesquisas nas áreas de Ciência e Tecnologia, publicados no Journal of Seed Science, antiga Revista Brasileira de Sementes (RBS), e no Informativo ABRATES.

Os leitores encontram aqui um espaço para apresentar opiniões, enviar sugestões de pautas para matérias técnicas, novidades do setor, evoluções tecnológicas do segmento, entre outros assuntos.

Para contribuir, envie seu texto, sugestão ou crítica para abratesemfoco@abrates.org.br



Torne-se um associado

E integre uma importante rede de pesquisa e ciência

Associe-se

Inscreva-se agora e receba nossa newsletter